Isla Saona – um paraíso da República Dominicana

CAPA-blog-viajando-em-321-isla-saona-repulica-dominicana-punta-cana-caribe-

O passeio a Isla Saona é um daqueles que valem a pena sair do conforto dos resorts all inclusive de Punta Cana, na República Dominicana. Não é apenas uma ilha paradisíaca, as emoções já começam antes mesmo de chegar ao destino final. 

Compra do passeio

No resort (Riu Bambu Punta Cana, na Praia Arena Gorda) existia um local com várias agências de turismo, especializadas em passeios pela região. Contratamos a empresa Olympus Tour e achei eles excelentes! Nossos guias eram muito atenciosos e falavam nosso portunhol (isso é ótimo).

O passeio custou U$120 (dólares) por pessoa e U$60 para criança menor de 11 anos. Nesse preço estava incluso todos os transportes (ônibus, barco e catamarã), o almoço típico dominicano na Isla Saona, bebidas a vontade como refrigerante, cerveja, água e mamajuana (bebida típica do país, feita com rum). Ahhh, e tinha wifi! TUDO incluso mesmo, para não dizer que não gastei com nada, comprei chips em um posto por U$4, um coco na praia por U$3 e só.

Mas agora vamos ao que interessa… o paraíso da Isla Saona!

DCIM105GOPROG1085215.

Estávamos hospedados na Playa Arena Gorda e andamos de ônibus por mais ou menos uma hora e meia até chegarmos no local em que o barco saia. O passeio é divido em quatro etapas, conforme vou contando logo abaixo:

1-blog-viajando-em-321-isla-saona-repulica-dominicana-punta-cana

1 – Mergulho de snorkel

Essa foi a primeira parada após embarcarmos em um barco de porte pequeno (porém muuuito potente). Ali já dava para ter noção da transparência da água. Em cima mesmo do barco, era possível ver os corais e peixes circulando. Nosso guia jogou pães e a festa dos peixes foi completa! Ficamos por ali uns 45 minutos.

DCIM104GOPROG0733750.

DCIM104GOPROG0713279.

DCIM100GOPRO

2 – Bancada de areia com estrelas do mar

Na sequência, fomos para a bancada de areia no meio do mar caribenho ver as famosas estrelas do mar. Nosso barco era pequeno mas tinha 3 motores e pegava uma velocidade absurda. E sério, foi muito massa! A sensação de estar naquele mar azul turquesa, costeando a ilha com o vento no rosto e frio na barriga foi incrível. A viagem durou uns 30 minutos.

DCIM105GOPROG0844613.

Chegamos na bancada de areia e elas estavam lá! A água ficava na altura da cintura e dava para ver as estrelas mesmo sem encostá-las. Era possível pegá-las para fotos mas a recomendação era clara: não as deixem fora da água por mais de 5 segundos. As estrelas são seres vivos e como a maioria do ecossistema marinho, elas não sobrevivem fora da água.

Ficamos por ali uns 40 minutos. Click click click, fotos e mais fotos!

DCIM105GOPROG0804346.

DCIM105GOPROG0914832.

DCIM104GOPROG0804168.

DCIM105GOPROG0804406.

3 – Almoço e dencanso na Isla Saona

Em seguida foi dado continuidade para a principal praia da Isla Saona, onde foi servido um buffet com pratos típicos e também tivemos um tempo livre na praia para relaxar, aproveitar o mar, tirar fotos… como quiser. Chegamos na praia às 11:30 horas e saímos as 14:30 horas. Achei pouco, queria ter ficado bem mais, mas rendeu um bom descanso e várias fotos.

8-blog-viajando-em-321-isla-saona-repulica-dominicana-punta-cana

9-blog-viajando-em-321-isla-saona-repulica-dominicana-punta-cana

O buffet realmente era bom! Tinha churrasco, massa, purê de batata e coco, saladas, arroz com temperos típicos e peixes. Logo após o almoço fomos descansar nas espreguiçadeiras na beira mar e curtir a praia.

6-blog-viajando-em-321-isla-saona-repulica-dominicana-punta-cana

10-blog-viajando-em-321-isla-saona-repulica-dominicana-punta-cana

A areia era bem branquinha, o mar bem cristalino, o céu bem azul, os coqueiros bem verdes… hahahaha da para ver que ainda estou apaixonada pelo lugar? É que foi surreal esse passeio! Não sei se as fotos conseguem mostrar o tamanho da beleza natural desse lugar.

7-blog-viajando-em-321-isla-saona-repulica-dominicana-punta-cana

DCIM105GOPROG0985072.

Só uma observação sobre a praia: logo no início do mar tinha muitas conchas bem pequenas e doía muito a sola do pé. A gente entrava na água sentindo dor (era engraçado), mais ou menos um metro até ter areia “lisinha”. Mas tirando isso, sem problema algum. Não tinha para estragar aquele lugar.

DCIM105GOPROG0955019.

DCIM105GOPROG0995081.

4 – Catamarã com dança dominicana

O mesmo trajeto que foi feito de lancha em alta velocidade, foi feito de catamarã para voltar. Um barco mais tranquilo e com velocidade bem menor. É espaçoso, possui lugares para sentar e tem uma rede na ponta que você pode ficar ali enquanto veleja.

DCIM106GOPROG1135374.

Dois dançarinos estavam a bordo e foram dançando durante o trajeto. Pessoal tomou conta do espaço disponível e foi se animando. Sabe aquela coisa “ninguém me conhece mesmo!”?? Era tipo isso! Todo mundo dançava salsa/merengue super a vontade, sem se preocupar se estavam rebolando certo ou não (o dança pra ser rebolada heim). Teve até Michel Teló, com “ai se eu te pego” (aliás, toca direto isso lá). E serviam refrigerante, água e rum com coca cola.

DCIM106GOPROG1155416.

Informações importantes:

-> Reserve um dia inteiro para a Isla Saona, saímos do resort às 07:00 e retornamos às 19:00.

-> Leve só o essencial, de preferência em uma bolsa pequena. Levamos uma bolsa um pouco maior e nos incomodamos nas transições de barcos e passeio na ilha.

-> Leve algo que possa te proteger do frio do ar condicionado do ônibus. Eles não baixam a temperatura do ar de jeito nenhum! Digo isso sobre todos os passeios que eu fiz em Punta Cana.

-> O guia recomendou dar gorjeta para os dançarinos e para o capitão do barco. Achei justo.

-> Durante o passeio tem um fotografo registrando os melhores momentos. As fotos ficam incríveis, ele faz vários fotos individuas e das famílias. Mas não se empolgue porque ele vai te cobrar depois hahaha. No catamarã ele oferece as fotos em um CD junto com uma seleção de músicas famosas na República Dominicana.

14-blog-viajando-em-321-isla-saona-repulica-dominicana-punta-cana

Dica extra:

Sabe aquelas pinturas de mar, céu azul e coqueiro que a gente vê em telas? Ou aqueles planos de fundo do computador que parecem mentira? Tive a sensação que tudo virou realidade.

Mesmo que seu resort all inclusive seja super completo, não deixe de separar um dia para visitar a Isla Saona. Sei que é uma função ter que acordar cedo, fazer uma viagem de ônibus e ainda voltar tarde e cansado… mas vai por mim! Tudo vale a pena, o lugar é incrível.

“Ah Angela, mas U$120 é caro!”. Ok, convertendo dá um preço salgado (lembrando que quem converte não se diverte). Mas é tudo incluso: transportes, guia, mergulho, comida e wifi. Não se esqueça de levar isso em consideração ;)

separação - viajando

Outros posts sobre a República Dominicana:
- 18 curiosidades sobre o pais
- Ganhei uma viagem para Punta Cana! Entenda como foi. 

Planejando sua viagem? Veja aqui algumas dicas:
- Como aproveitar ao máximo uma viagem curta
- 5 dicas para diminuir o peso da mala
- 8 dicas para comprar sua passagem aérea em casa 
- Planejando os custos de uma viagem
- 8 itens que podem fazer a diferença em uma viagem
- 10 dicas para usar melhor a sua GoPro
- 5 dicas para escolher o hotel ideal

até a próxima

monetização..

Um comentário sobre “Isla Saona – um paraíso da República Dominicana

Deixe um comentário