8 dicas para comprar passagem aérea em casa

dicas-para-comprar-passagem-aerea-em-casa-blog-viajando-em-321

Comprar passagem aérea em casa passou a ser comum para mim e para a minha família. Nas primeiras vezes sempre ficava aquele sentimento de “será que eu fiz tudo certo?”. Mas se fizer com atenção não tem erro. Sem contar que em casa eu posso monitorar preços e ainda conseguir promoções. Por isso, hoje eu trouxe 7 dicas para você comprar passagem aérea em casa sem erro e sem medo!

1 – Skyscanner

Esse é o melhor jeito de se manter atualizado sobre os preços do seu próximo destino. O site Skyscanner tem um campo de pesquisa que permite ver todos os preços, horários e sites disponíveis para a venda da passagem que você deseja. Ele é uma ponte entre você e os sites de compra, te direcionando para o link certo. O melhor de tudo é que você pode receber diariamente atualização dos preços por email, é só criar um alerta. Eu uso muito, crio alerta para vários destinos, mesmo sem ter certeza se eu vou, só para ficar por dentro dos preços.

2 – Receba promoções por email

Para quem quer viajar fora da alta temporada (julho e janeiro são os meses mais procurados), receber promoções por email é uma ótima pedida! Um site bem atualizado é o Melhores Destinos, eles mandam email quase todo dia com as melhores promoções nacionais e internacionais.

3 – Compre pelo site da companhia aérea

Tem vários sites de venda de passagens aéreas, mas se você perceber que o preço for o mesmo que o site da própria companhia aérea, opte pela companhia aérea. Já ouvi muitos relatos de pessoas que compraram passagens em sites que revenda e no fim se deram muito bem, pois é bem burocrático reclamar e ser atendido rapidamente.

4 – Simule a compra antes de comprar oficialmente

Não caia na tentação! Muitas promoções são enganosas, pois eles só acrescentam a taxa de embarque quando você estiver finalizando a compra. Eu vi muito disso enquanto estava pesquisando passagens para o Peru, as promoções diziam R$800 ida e volta e na finalização eles adicionavam mais R$500 de taxa de embarque, ou seja, total de R$1300. Parece loucura, mas é verdade, cuidado!

viajando-em-321-dicar-para-comprar-passagem-aerea-em-casa-1

5 – Compre pela janela anônima, se o computador não for seu

É sempre bom garantir a sua segurança, ainda mais se o computador não for seu. A janela anônima é ótimo, não só para a compra de passagens aéreas, mas para qualquer compra que você precise utilizar seu cartão de crédito.

6 – Troque por milhas (ou multiplus)

Parece difícil mas eu juro que não é! Meu pai se cadastrou no Multiplus e consegue resgatar pontos com todos os cartões de crédito entrando em contato com o banco. Com os pontos resgatados, é só ir no site da Multiplus e comprar a passagem por lá mesmo. Se cadastre também nos programas de fidelidade das companhias aéreas, assim vai acumulando ponto aos poucos sempre que for viajar.

7 – Fique atento na hora de inserir seus dados pessoais

Se for preciso, confira 10 vezes todos os dados pessoais que você inseriu, pois um número errado é o suficiente para você não embarcar. Leia atentamente as políticas da companhia aérea, sempre tem informações importantes sobre o caso de não embarque.

8 – Imprima o comprovante de compra

É bem importante levar impresso o comprovante de compra que é mandado por email. Ali tem todas as informações necessárias, inclusive o código para fazer check in online, se precisar.

separação - viajando

Essas são algumas dicas que eu fui adquirindo ao longo das minhas compras de passagens aéreas em casa. Claro que comprar com agência de viagem é bem mais cômodo, eles fazem toda a parte burocrática pra você. Mas vai de cada um. Eu gosto de acumular milhas e trocar por pontos Multiplus, por isso estou comprando a maioria das vezes em casa. Espero ter ajudado! Qualquer coisa só chamar ;)

Veja também esses posts sobre dicas e planejamento de viagem:
- 10 dicas para usar melhor sua Gopro
- 5 dicas para diminuir o peso da mala
- 5 dicas para escolher o hotel ideal
- Como aproveitar ao máximo uma viagem
- Planejando os custos de uma viagem

até a próxima

Deixe um comentário